Leonel Henckes

Página pessoal do ator, diretor, pesquisador, produtor e curador Leonel Henckes contendo portfólio de projetos e trabalhos nas áreas de artes cênicas (teatro, ópera, dança) e artes visuais (curadoria e produção). Leonel é especialista no sistema de ações físicas de K. Stanislávski e pesquisa modos de atuação no teatro contemporâneo. Sua tese "O ator da Organicidade: impulso, contato e ações físicas em modos de atuação contemporâneos" foi defendida em 2015 no PPGAC/UFBA onde também apresentou sua dissertação de mestrado, intitulada "Corpo fora do lugar: movimento, fluxo e desordem entre treinamento e construção cênica", em 2011. Investiga modos de atuação no Teatro contemporâneo, organicidade, ações físicas, estado de fluxo e treinamento psicofísica.

Conexão Grécia-Brasil na Bahia

Cópia de FDM_cartaz-A3-GUANAMBI_13-04-16

O projeto Circulação Floresta Debaixo do Mar: conexão Brasil-Grécia na Bahia prevê a realização de 3 (três) temporadas curtas, de 1 final de semana, de sexta a domingo (uma por mês), da peça teatral “Floresta debaixo do Mar”, com Leonel Henckes e a atriz e dramaturga grega Christina Kyriazidi, direção de Paula Lice e texto de Christina Kyriazidi no Centro Cultural João Gilberto de Juazeiro/BA, no mês de Março, no Centro de Cultura Olivia Barradas de Valença/BA no mês de Abril e no Centro de Cultura de Guanambi/BA, no mês de Maio de 2016, com 5 (cinco) apresentações gratuitas (3 de sexta a domingo, 20h e 2 nas sextas-feiras, 09h e 16h) em cada espaço cultural, sendo que 3 (três), nos turnos da manhã, tarde e noite da sexta-feira, serão fechadas para alunos e professores do ensino médio de escolas públicas de cada município.
O projeto prevê, ainda, a realização de uma ação formativa transdisciplinar com carga horaria 24h a ser realizada se segunda-feira a quinta-feira, durante a permanência da equipe no Espaço Cultural. Esta ação formativa, será dirigida aos estudantes do ensino médio das Escolas Públicas de cada município, escolhidos através da parceria do projeto com as escolas num total de 20 estudantes e 5 professores. Eles participarão de oficinas de 8h/aula por dia, 24h/aula e que focarão em:

Módulo 1 – O processo de criação de Floresta debaixo do mar: autoreferencialidade, ironia e ludicidade.

Módulo 2 – Teatro Grego e Contemporâneidade: contextualização, coro e a atuação trágica.- corporeidade e movimentação do coro grego clássico- o teatro grego como plataforma política- a fala cantada na tragédia grega;

Módulo 3 – Laboratório de Criação: dramaturgia em processo – montagem.

Ao final de cada apresentação fechada para as escolas, será realizado um bate-papo com os alunos.

Os três módulos serão ministrados pela diretora Paula Lice, pela assistente Juliana Molla, pelo ator Leonel Henckes e pela atriz e dramaturga grega Christina Kyriazidi.


Agenda:

  • 28 de março a 03 de abril – Juazeiro/BA

 Centro Cultural João Gilberto

  • 05 a 10 de abril – Valença/BA

 Centro de Cultura Olivia Barradas

  • 03 a 08 de maio – Guanambi/BA

 Centro de Cultura de Guanambi

Mais informações: www.forestunderthesea.com